Quando falamos da estratégia de produção de conteúdo entramos no âmbito do Marketing de Conteúdo, uma maneira valiosa de atrair seu público alvo, nutri-lo com informações relevantes, gerar valor para o seu negócio e, por fim, vender mais.

Para o desenvolvimento do Marketing de Conteúdo, as plataformas de relacionamento com o cliente são indispensáveis, e nisso estão inclusos o blog, redes sociais, e-mails entre outras plataformas. Neste post iremos focar apenas no blog.

Esse tipo de plataforma não é mais novidade para ninguém. Uma rede de compartilhamento de conteúdo, muito utilizada tanto por empresas, profissionais liberais quanto por pessoas que apenas desejam expor ideias. O fato é que, além dessa funcionalidade de exposição de ideias de modo rápido e simples, o que permite uma comunicação mais próxima com o público, os blogs são excelentes ferramentas para empresas. É uma tendência que veio para ficar e que tem crescido cada dia mais o seu valor.

Assim como citamos na postagem Por que sua empresa precisa de uma comunicação planejada, quando um consumidor deseja comprar algo, a primeira coisa que ele faz é uma busca no Google. Procura informações sobre o produto, variações de marcas, benefícios e o local onde possa encontrar esse produto. Só depois que ele está munido de informações e certo (ou quase certo) do que deseja, ele vai até o fornecedor desse produto ou serviço e o adquire. Se a busca começa no Google é lá que sua empresa deve estar. E como fazer isso? Comece produzindo conteúdo relevante! É claro que existem outras ações para assegurar essa presença na internet, mas neste post vamos nos restringir apenas ao Marketing de Conteúdo aplicado ao blog.

Algumas perguntas devem estar perambulando na sua cabeça:

Produzir conteúdos realmente dá resultado?

Estudos comprovam que sim. Uma pesquisa realizada pela Resultados Digitais com empresas nacionais, apresenta que, as que utilizam marketing de conteúdo tem um crescimento mensal 4 vezes  maior no tráfego do site que empresas que não utilizam essa estratégia; além disso, geram 5 vezes mais leads. No Brasil, 7 em cada 10 empresas já adotam essa estratégia.

Como os conteúdos me trarão resultados?

Vitor Peçanha, CMO e Co-founder da Rock Content tem uma fala muito interessante que representa os resultados dessa estratégia: “A venda é uma consequência para o Marketing de Conteúdo. Quando o consumidor estiver pronto para a compra, ele irá atrás de você. Ninguém quer ser um target. Se você faz seu público se sentir assim, seu fluxo de caixa está em risco.”

Mas o que ele quis dizer com isso? O Marketing de Conteúdo é preciso ser trabalhado de forma planejada, abordando a produção de materiais ricos e temas relevantes para o seu público, aliado a outras estratégias do Marketing Digital.

Quais as vantagens disso?

  • Melhorar o relacionamento com os clientes
  • Aumentar o engajamento com a marca
  • Incrementar a visibilidade da marca
  • Criar evangelistas da marca
  • Informar e nutrir os prospects da marca com conteúdo relevante
  • Aumentar as vendas
  • Trabalhar o pós-venda

É preciso ter conteúdo de qualidade com informações relevantes. Mas como produzi-los?

Quando se fala em conteúdo de qualidade não nos referimos apenas às questões ortográficas e gramaticais. Mais que isso, a qualidade do conteúdo está em falar a coisa certa, para pessoa certa no momento exato. E como fazer isso? Produza conteúdos compatíveis com sua área de atuação. Vire referência no assunto.

9 passos básicos para produzir bons conteúdos no blog:

  •  Conheça bem seu público

Para isso é preciso fazer um estudo de Personas (caso não saiba como fazer clique aqui). Parece óbvio, mas muita gente pula essa etapa. Isso garantirá que todos os conteúdos desenvolvidos por você e sua equipe estarão de acordo com o que seu público quer ver e tem interesse.

persona

  • Fale a língua de seu público

Se você quer atrair jovens utilize a linguagem de jovens. Se quiser atrair executivos, fale como executivo. Isso significa que, tão importante quanto conhecer quem é seu público é saber as peculiaridades da comunicação com esse público. O exemplo aqui foi genérico e entre dois opostos – uma linguagem totalmente informal e outra formal. Mas, por exemplo, se o seu público alvo está totalmente engajado com tecnologia, independente de uma linguagem formal ou informal,  é preciso utilizar termos muito específicos da área para não parecer superficial e desestimulante. Somente assim a mensagem que você quer passar será recebida com êxito pelo seu destinatário.

diferentes publicos

  • Se coloque no lugar do seu público

Na hora de produzir os conteúdos pense como se fosse você o receptor da mensagem. Se pregunte: O que eu ganho com este conteúdo? Este conteúdo é útil para mim? Este conteúdo irá me ajudar a solucionar algum problema?

conhecer o público

  •  Fique atento ao que acontece no mundo

Enquanto você está sentado em frente ao computador escrevendo um texto, várias coisas estão acontecendo no mundo. Muitas dessas coisas viram assuntos super comentados e viralizam na internet. Muitas vezes é possível adaptar essas tendências ao universo do seu blog. Fique atento às series, filmes, memes, notícias! As pessoas buscam informações novas o tempo todo e você pode ser um desses canais de nutrição de informação.

antenado

  • É preciso ter frequência nas postagens.

De nada adianta criar um blog, fazer uma postagem de lançamento e simplesmente esquecer que ele existe. Para se tornar relevante no Google e não “queimar o filme” com seus seguidores é preciso ter frequência e continuidade. Para isso você precisa dedicar um tempo para produzir conteúdos. Além disso, é preciso planejar a periodicidade das postagens. Se não for possível, tenha uma pessoa responsável ou contrate uma agência especializada.

frequencia

  • É preciso usar as palavras certas.

Para aparecer com destaque no Google e ser “achado” pelo seu público consumidor é preciso utilizar as palavras certas. Essas palavras certas são as palavras chaves.

Primeiramente você precisa definir quais são essas palavras chaves do seu negócio. (Caso não saiba como fazer veja em nossa postagem.) Aquelas que representam o produto ou serviço que você vende. Pense no que as pessoas digitariam no campo de buscas do Google caso estivessem procurando pelo produto que você vende para planejar suas palavras chaves.

Depois de selecionadas as palavras que representam o seu negócio, produto ou serviço veja quais delas você consegue inserir no conteúdo das suas postagens. Além das palavras chaves referentes ao seu negócio, é preciso pensar também as palavras chaves referentes à solução que o post apresenta. Sempre que fizer uma postagem nova pense nessa estratégia.

palavras

 

  • Se possível, crie hiperlinks.

Quando você já tiver uma quantidade considerável de postagens comece a conectá-los entre si. Crie hiperlinks nas suas próprias postagens de assuntos tratados anteriormente. Isso mostra uma continuidade de ideias e conhecimento no assunto abordado.

hiperlinks

  • Configure o SEO da sua postagem.

Depois do texto escrito e pronto para ser postado é hora de configurar o SEO na página. Defina suas tags, palavra-chave em foco, palavras chave gerais, meta descrição e nomes das imagens. Todos esses fatores são essenciais na hora do Google notar a sua presença na rede.

seo

  • É preciso compartilhar.

Texto escrito, configurado e postado. Agora é hora de compartilhar este conteúdo. Divulgue em suas redes sociais e envie via e-mail marketing para seus leads cadastrados. Mantenha seus seguidores informados, assegure a fidelização do seu público e a atração de novos clientes. Uma estratégia para utilizar nesta etapa é divulgar o seu conteúdo 3 vezes nas redes sociais. Escolha 3 dias e horários alternados para realizar a publicação e lembre-se, utilize descrições diferentes no compartilhamento.

O Objetivo aqui, além da fidelização do público que já consome seu produto ou serviço, é atrair novos leads para seu site e assim aplicar os princípios do Inbound Marketing. Caso queira saber mais sobre essa estratégia leia nossa postagem.  Veja como alavancar suas vendas com essa estratégia.

compartilhar

E aí, pronto para começar?