Há poucos anos uma simples propaganda em horário nobre na TV era suficiente para alavancar as vendas de uma empresa e tornar a marca conhecida. Hoje, em meio a tanta concorrência e facilidades em se adquirir qualquer mercadoria na internet, as pessoas não querem mais esse tipo de marketing de intromissão. O desejo do consumidor não é mais ser convencido, é ser encantado.  De acordo com a Unbounce, ferramenta online de criação de landing pages, 84% das pessoas deixam seus sites favoritos pelo excesso de anúncios e 86% pulam as propagandas na TV. É por este motivo que o marketing de conteúdo tem sido tão atrativo e está gerando tantos resultados.

Quando se trata das vantagens para a equipe de vendas, três pontos entram em destaque. Primeiro é a facilidade do primeiro contato com o cliente. Isso porque, quando se trabalha com produção de conteúdo, com o tempo a sua empresa se torna referência no assunto, mostra conhecimento e desperta o interesse de quem procura o produto/serviço que você oferece. Além disso, o trabalho de “encontrar” sua empresa em meio a tantas outras na internet, é facilitado devido a sua presença no Google e otimização do SEO. Segundo, é a atração dos clientes realmente interessados naquilo que você oferece. De acordo com a pesquisa da americana Forrester, os clientes  que buscam uma empresa através de formulários de contato web ou via telefone já completaram 75% do processo de vendas através de buscas na Internet ou referências com outros consumidores.  Quando sua presença é marcante, através de conteúdos ricos, o processo de venda é facilitado e os clientes vão ao seu encontro. O terceiro ponto é a redução de custos e esforços. Já parou para imaginar quanto a sua empresa gasta todos os dias enviando vendedores para fazer abordagens que muitas vezes não convertem em vendas? Ou então, no valor da conta de telefone dos últimos meses graças às inúmeras ligações inúteis para aquela lista de contatos que você comprou ou construiu procurando por empresas nas ferramentas de busca? Esses custos acabam representando uma grande fatia do orçamento no final do mês. Ele poderia ser diminuído com prospecções mais assertivas vindas de oportunidades geradas através da Internet.

Mas, para que sua tática de marketing de conteúdo gere resultados reais é preciso planejamento e elaboração de estratégias eficientes para conseguir conduzir as pessoas através do funil de vendas e transforma-las em potenciais clientes. Através da criação de conteúdo relevante, é possível envolver, atrair e estimular ação do cliente. Essa ação pode ser não só uma venda, mas também o preenchimento de um cadastro, download de um material ou compartilhamento de um conteúdo. Acima você viu os benefícios em se aplicar o marketing de conteúdo. Agora, você confere os sete elementos-chave para conseguir fisgar seu leitor e torná-lo um cliente.

1.Conheça profundamente seu público-alvo

A definição do público alvo é a peça chave para o seu sucesso no inbound marketing. Isso vai direcionar seu conteúdo ao público realmente interessado no que sua empresa oferece. Essa etapa não é fácil e não pode ser feita com base em achismos. É preciso conhecer bem seu público, e isso vai além de dados demográficos como sexo, idade e classe social. É preciso saber o que ele faz e gosta.

2.Defina suas metas e objetivos

Tão importante quanto definir seu público-alvo, é definir suas metas a curto, médio e longo prazos. A princípio, seu objetivo pode ser atrair pessoas para seu blog ou site, mas e depois, quais serão suas métricas para o sucesso? Saber aonde se quer chegar é essencial para definir qual o caminho percorrer. Uma ótima metodologia para metas e ações para se atingir esse objetivo é o Canvas. O Project Model Canvas funciona de duas formas: primeiro como um documento único e consistente do planejamento seguido da execução; segundo, como uma ferramenta preliminar que apresenta a lógica do projeto, servindo como base para um plano de projeto representado de modo formal.

3.Use o conteúdo para atrair os seus leitores

Para conseguir atrair seu público, previamente definido na fase das personas, é preciso produzir conteúdo atrativo e relevante na sua área de atuação. Conteúdo relevante significa conteúdo que apresente um problema conhecido no meio em que sua empresa atua e, junto a isso, a solução para este problema. O blog é uma plataforma que gera muito resultado nessa estratégia. Confira a nossa postagem “Como gerar mais vendas usando produção de conteúdo – Parte 1 – Blog”.

3.Seja inteligente e sutil

Lembre-se, você não deve tentar vender um produto ou serviço logo de cara. Antes disso, você precisa construir uma rede de conteúdo e relacionamento com seu futuro cliente, que será a base desta venda e de muitas outras no futuro. A compra será a consequência desse processo.  Pense em longo prazo!

4.Automatize os processos

A medida que sua produção de conteúdo aumenta, é natural que sua audiência também aumente. Como consequência, as pessoas começam a interagir mais com sua empresa e para que você possa se relacionar com todas essas pessoas é preciso tempo.

Para gerar a velocidade e fluidez que seu negócio precisa, é importante automatizar alguns processos e, para isso, você precisa conhecer e separar bem o seu público. Enquanto algumas pessoas, mesmo interessadas, não possuem nenhum conhecimento sobre o seu assunto, outras já estão interessadas em uma solução para o problema. Solução que poderá vir do seu produto ou serviço. Assim, você precisa saber o tipo de conteúdo que cada leitor demanda. Sem isso, é bem difícil que uma automatização seja bem sucedida e que seus contatos sejam realmente educados e preparados para a decisão de compra. Alguns exemplos de processos automatizados são disparos automáticos de e-mails, nutrição de leads, vendas de produtos/ serviços e etc.

5.Mensure os resultados

Medir os resultados dos esforços de marketing é essencial. Se você já tem seus objetivos definidos é de extrema importância que eles sejam acompanhados e os resultados sejam usados para fazer melhorias na estratégia. O Google Analytics é uma ferramenta fundamental para suas análises e você pode instalar gratuitamente em seu site. Para avaliar resultados de e-mail marketing, é possível utilizar o próprio software de disparo. As mídias sociais, que devem ser usadas como um complemento em sua estratégia de contéudo, também devem ser mensuradas. Algumas, como o Facebook, apresentam insights detalhados sobre sua página e o grau de engajamento dos fãs. Baixe nosso e-book Facebook Analytics e saiba como mensurar seus resultados na rede.

Quer saber mais sobre marketing de conteúdo? Baixe nosso e-book Inbound Marketing  e veja como implementar essa estratégia em sua empresa e ter resultados reais.